set 012011
 
Dica de Alberto Sartorelli

 

Título Original – The Doors
Lançado em – 1991
Gênero – Drama
Duração – 140 minutos
Diretor – Oliver Stone
Atores – Val Kilmer, Meg Ryan
País – Estados Unidos

 

 

Oliver Stone aborda de modo magistral a trajetória do astro do rock Jim Morrison, integrante da banda The Doors. Estudante de cinema na Universidade da Califórnia em Los Angeles, Jim (Val Kilmer) vê-se frustrado pelo fato de seus professores e companheiros não compreenderem seus projetos, que quebravam a linearidade e tratavam de temas muito subjetivos e pouco claros. A profundidade psicológica dos filmes e do próprio Jim não fora compreendida.

Então, num encontro com seu colega de curso Ray Manzarek, apresenta suas poesias e deixa o companheiro extasiado. Decidem musicalizar essas poesias numa banda de rock. Convidando outros dois amigos, Robby Krieger e John Densmore, estava formado o The Doors – nome originado do livro de Adolf Huxley, The Doors of Perception, este por sua vez retirado de um poema de William Blake.

Com o sucesso estrondoso, aliado à personalidade extravagante de Jim, os Doors alcançaram um patamar nunca imaginado. Morrison continuava com suas letras subjetivas, misteriosas e herméticas, compostas com auxílio do LSD e dos teclados alucinantes de Manzarek. Jim tornou-se um vilão da moral e dos bons costumes. E isso aumentava ainda mais sua popularidade e a legião de fãs obcecados pelo ídolo.

Um hedonista. Um artista. Um poeta. Um deus do rock. Jim Morrison se tornou um dos maiores ícones da história. Dentro de um exímio jogo de câmeras e ângulos, com a trilha sonora contando com os maiores sucessos da banda-nome, além da sutileza e profundidade filosófica que se confundem com a personalidade de Morrison, The Doors é uma obra-prima de Stone. Um filme que deve ser visto por todas as gerações.

Artigos relacionados:

  3 Comentários para “The Doors”

Comentários (3)
  1. Genio, betão! sou fã de the doors, mas ainda nao vi o filme inteiro!

  2. boa estréia neste site do Alberto , que aqui conhecemos por Betão e que sabemos ter muito ainda a oferecer de sua já rica visão de mundo.

 Escreva um comentário

(requerido)

(requerido)

Você pode usar estas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>